SMART CITIES
Estocolmo pretende tornar-se a cidade mais inteligente do mundo até 2040

Estocolmo pretende tornar-se a cidade mais inteligente do mundo até 2040

A educação será o primeiro passo no plano Smart City do município de Estocolmo, que anunciou recentemente uma parceria com a Fujitsu no sentido co-criar um ambiente TI para viabilizar a sua ambição de se tornar a cidade mais inteligente do mundo

A CIO da Cidade de Estocolmo, Johanna Engman, apresentou esta semana em Lisboa no evento Gestech - Transformação Digital no SIstema Educativo, a visão de Aprendizagem Digital de Estocolmo, que passa por fornecer um ambiente inspirador a estudantes e professores, bem como ir ao encontro das necessidades de aprendizagem de cada estudante, com a tecnologia a desempenhar um papel fundamental na concretização desse objectivo.

A apresentação de Johanna Engman centrou-se nos desafios que a capital sueca enfrenta actualmente ao nível do ensino, onde 4 em cada 10 professores serão aposentados nos próximos 10 anos e onde 79% das crianças com dois anos já utiliza a Internet. Com o objectivo de tornar Estocolmo a cidade mais inteligente do mundo até 2040, o município procurará proporcionar a melhor qualidade de vida aos seus cidadãos e o melhor ambiente empresarial. A evolução da plataforma educativa irá representar uma fatia relevante deste desafio, tendo o Município de Estocolmo escolhido a Fujitsu para o lançamento de serviços TI de próxima geração nos estabelecimentos de ensino pré-escolar e nas escolas de Estocolmo.

Entre os diversos exemplos de evolução educativa, destaca-se um sistema de inteligência artifical capaz de detectar muito cedo estudantes com dificuldades na leitura ou escrita, a utilização do robot BlueBot nas novas aulas de programação para crianças, ou a integração de um robot nas salas de aula que será acessível via telemóvel ou tablet a um aluno que não possa estar presente na escola (por exemplo, por motivos de saúde).

O evento, que contou com a presença do Ministro da Educação, da Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa e do Presidente do IGeFE, teve como missão divulgar a importância da transformação digital, que veio alterar radicalmente a natureza do trabalho a todos os níveis do sistema educativo, bem como demonstrar boas práticas de gestão e os novos modelos de 'governance' para as organizações do sector.

 

Fujitsu e Município de Estocolmo inovam na Educação

A Fujitsu foi seleccionada pelo Município de Estocolmo como nova fornecedora de serviços TIC para as 780 escolas e estabelecimentos de ensino pré-escolar da cidade. Ao abrigo do acordo, a Fujitsu e o Município de Estocolmo irão co-criar um ambiente TI para ajudar Estocolmo a concretizar a sua ambição de se tornar a cidade mais inteligente do mundo até 2040. A Fujitsu irá suportar a aprendizagem digital em Estocolmo através da disponibilização de Serviços de Digital Workplace, incluindo o seu Service Desk (Social Command Centre) de próxima geração, a mais de 108.000 estudantes e professores.

O Município de Estocolmo atribuiu o contrato à Fujitsu tendo por base a elevada qualidade comprovada dos serviços da empresa e o seu claro alinhamento com os objectivos estratégicos da cidade. Em particular, a Fujitsu demonstrou uma compreensão profunda das oportunidades e desafios que a criação de um ambiente de aprendizagem digital traz ao sistema escolar de Estocolmo, e apresentou à cidade uma solução à prova de futuro.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.