ENERGIAS
Cleanwatts ajuda Crédito Agrícola na transição energética

Cleanwatts ajuda Crédito Agrícola na transição energética

A Cleanwatts anuncia ter estabelecido uma parceria com o Grupo Crédito Agrícola para acelerar o processo de transição energética das suas 600 agências bancárias, através da sua plataforma Kisense Buildings da Cleanwatts, a qual permite monitorizar, gerir, controlar e otimizar a produção, armazenamento e consumo de energia em tempo real.

A Cleanwatts anuncia ter estabelecido uma parceria com o Grupo Crédito Agrícola para acelerar o processo de transição energética das suas 600 agências bancárias espalhadas por todo o país. As agências do Crédito Agrícola passarão a beneficiar das funcionalidades de gestão inteligente de energia da plataforma Kisense Buildings da Cleanwatts, a qual permite monitorizar, gerir, controlar e otimizar a produção, armazenamento e consumo de energia em tempo real. A implementação da plataforma Kisense Buildings permitirá ao Grupo Crédito Agrícola monitorizar não só a energia, mas também consumos de água e emissões de CO2 em todas as agências. A recolha de dados em tempo real a as ferramentas de análise preditiva da Plataforma Kisense Buildings permitirá também ao Grupo Crédito Agrícola optimizar a operação e manutenção de agências e edifícios. 

O Grupo Crédito Agrícola integra a Caixa Central - Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, C.R.L., as 75 Caixas de Crédito Agrícola Mútuo suas Associadas, as empresas de serviços auxiliares participadas, directa ou indirectamente, pela Caixa Central, e ainda a FENACAM - Federação Nacional das Caixas de Crédito Agrícola Mútuo, F.C.R.L., instituição de representação cooperativa e prestadora de serviços especializados ao Grupo, com um total de 636 Agências em todo o território nacional. Com mais de 430.000 Associados e 1.800.000 Clientes, o Grupo Crédito Agrícola é um dos principais grupos financeiros portugueses.

O Grupo Crédito Agrícola assumiu o compromisso de ser uma referência de inclusão, sustentabilidade e inovação, mantendo o reconhecimento de grupo financeiro de confiança dos seus clientes e comunidades locais onde opera. Em particular, a Política de Sustentabilidade do Grupo Crédito Agrícola tem em conta os desafios da transição energética quer para a própria organização quer para os seus clientes, com a incorporação de critérios ambientais e sociais na concessão de crédito que irão privilegiar projetos que sejam mais sustentáveis, reduzindo gradualmente o investimento em empresas ou actividades que claramente não se estão a adaptar à neutralidade carbónica e à economia circular.

“O compromisso com a Sustentabilidade é muito relevante para o Crédito Agrícola. O Grupo estabeleceu, no ano passado, a sua Política nesta área, que se concretizará no desenvolvimento de empréstimos e obrigações “verdes”, na promoção da linha de crédito para eficiência energética e economia circular, e na criação de outras linhas destinadas ao financiamento de iniciativas que reduzem o impacto ambiental e as emissões de CO2. Gradualmente, serão incorporados critérios ambientais e sociais na concessão de crédito que irão privilegiar projectos que sejam mais sustentáveis, reduzindo gradualmente o investimento em empresas ou actividades que claramente não se estão a adaptar à neutralidade carbónica e à economia circular. Acreditamos que somente respeitando os limites do planeta, seremos capazes de alcançar uma prosperidade que garanta o bem-estar da sociedade, e a adopção da solução Cleanwatts é mais um passo em nossa estratégia de sustentabilidade. ” - Nuno Cristino, Diretor de Logística e Compras do Grupo Crédito Agrícola.

 

A Cleanwatts está a revolucionar o sector da energia, com a capacidade de oferecer soluções simples e globais para eficiência energética e energia renovável para empresas e comunidades locais (auto-consumo e comunidades de energia). Em particular, no âmbito da gestão de edifícios, a plataforma Kisense  Buildings permite a empresas comerciais e industriais beneficiar de poupanças significativas de custos operacionais bem como da redução de emissões de CO2,  através da gestão em tempo real da geração e armazenamento de energia, bem como do consumo de energia e água.  

“Estamos muito entusiasmados com a nossa nova parceria com o Grupo Crédito Agrícola. Claramente partilhamos uma visão comum em relação à transição energética e ambas as empresas valorizam profundamente o papel das comunidades locais em impulsionar as mudanças necessárias a um nível global. As agências bancárias estão presentes em comunidades locais e, por isso, podem desempenhar um papel fundamental na agilização da transição energética” - afirma Michael Pinto, CEO e co-fundador da Cleanwatts. “Admiramos o trabalho desenvolvido pelo Grupo Crédito Agrícola ao nível das práticas de sustentabilidade e temos a certeza de que este é apenas o início de uma excelente parceria”.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.