ENERGIAS
França investe na estabilização da rede elétrica

França investe na estabilização da rede elétrica

O norte da França irá abrigar um sistema de armazenamento de 25 MWh para a aumentar a estabilidade da rede elétrica, de forma a otimizar o aproveitamento das energias renováveis

A empresa Total lançou um projeto de armazenamento de energia na França, especificamente em Mardyck, Dunquerque.

Com uma capacidade de armazenamento de 25 MWh e uma potência de 25 MW, o novo sistema de armazenamento de energia de lítio será o maior de França.

O novo sistema será baseado na solução de energia Intensium Max 20 da Saft e consistirá em 11 módulos integrados de 2,3 MWh, projetados e fabricados no local de produção da Saft nos Bordéus.

O principal objetivo deste sistema de armazenamento, correspondente a um investimento de cerca de 15 milhões de euros, será fornecer serviços de armazenamento rápido para apoiar a estabilidade da rede elétrica francesa.

“Este projeto contribuirá para o objetivo de aumentar a contribuição das energias renováveis no ecossistema elétrico de França, simultaneamente ajudando a estabilizar a rede elétrica nacional”, explica Patrick Pouyanné, presidente e CEO de Total.

É previsto que o novo sistema de armazenamento de energia entre em operação no final de 2020.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.