INOVA
Começarão a ser feitas entregas via drone nos EUA

Começarão a ser feitas entregas via drone nos EUA

A empresa de drones Wing, filial da empresa-matriz da Google, Alphabet, foi a primeira a obter autorização da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos para fazer entregas de encomendas via drone

A Wing anunciou que durante os próximos meses irá contactar empresas e representantes da sociedade civil bnas áreas de Blacksburg e Christiansburg, Virginia, para demonstrar a sua tecnologia de drones e responder a eventuais dúvidas, com o fim de começar a fazer entregas até ao final deste ano.

A autorização para operar nos EUA vem duas semanas depois da empresa lançar o seu primeiro serviço de entregas em North Canberra, Austrália. Segundo a Wing, os clientes podem pedir, a partir da sua aplicação móvel, artigos como bens alimentares, café quente e medicamentos, os quais serão entregues “em minutos” via drone.

A Wing considera a sua solução uma forma de poupança de tempo para famílias, trabalhadores por turnos, ou qualquer outra pessoa que não tenha tempo para ir diretamente aos estabelecimentos comerciais. Além disto, acrescenta, a entrega aérea proporciona uma maior autonomia a quem precisa de assistência por ter mobilidade reduzida.

Os drones Wing são elétricos, o que a empresa espera vir a reduzir as emissões de carbono ao substituir a entrega via automóvel ou mota. Em termos de segurança, a Alphabet assegura que os drones realizaram mais de 70 mil voos de teste e já realizaram, na Austrália, mais de 3 mil entregas ao domicílio. Segundo os seus dados, uma entrega aérea Wing “acarreta menos riscos para os peões do que a mesma viagem realizada por um veículo”.

 

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.