IoT & REDES
Ericsson atualiza serviço de 5G

Ericsson atualiza serviço de 5G

A Ericsson disponibiliza um update às opções de implementação do 5G comercial. O software NR autónomo é a principal novidade

A Ericsson já dava apoio aos prestadores de serviços através da implementação do 5G comercial com Novo Rádio (NR) não autónomo (NSA), e lançou agora o software de NR autónomo. Além de expandir as possibilidades de implementação, o software de NR autónomo 5G está orientado para uma nova arquitetura de rede, proporcionando latência ultrabaixa e uma cobertura mais extensa.

Os novos rádios MIMO são outra atualização, e vão permitir melhorar o desempenho e cobertura de 5G, com um custo mais eficiente, refere a Ericsson.

O update também chega à tecnologia em cloud, com serviços mais próximos das exigências dos consumidores, de forma a integrar, por exemplo, a Realidade Aumentada e distribuição de conteúdo a baixo custo, com latência baixa e maior precisão, no que toca aos novos serviços proporcionados pelo 5G a consumidores e empresas.

Fredrik Jejdling, Vice-presidente Executivo e Chefe de Redes da Área Comercial da Ericsson, afirma que "continuamos a centrar os nossos esforços no auxílio aos nossos clientes para que estes sejam bem-sucedidos com o 5G. Estas novas soluções permitirão que sigam a evolução do 5G que melhor se adeque às suas ambições, da forma mais simples e eficiente possível".

O novo software de NR autónomo 5G pode ser instalado no hardware existente do sistema de rádio da Ericsson. A previsão, no entanto, é que a maioria das operadoras comece com o NSA e não com o NR e, quando a cobertura do 5G estiver estabilizada, se implemente a solução autónoma.

Os dois novos rádios Massive MIMO adicionados ao portfólio de banda média de sistema de rádio da Ericsson permitem implementação do 5G com precisão: o AIR 1636 para maior cobertura e um desempenho otimizado em maiores distâncias interligares; e o AIR 1623 para uma implementação local fácil, com custos totais de propriedade mínimos.

Os serviços na cloud saem reforçados com o lançamento da Edge NFVI, que possibilita a distribuição de cargas de trabalho, otimização da rede e novos serviços na cloud. 

A Ericsson vai lançar também o serviço VNF de certificação de parceiros, que visa criar um ecossistema capaz de diminuir o tempo de comercialização dos produtos no mercado.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.