MOB
Schneider Electric compromete-se em electrificar a sua frota

Schneider Electric compromete-se em electrificar a sua frota

No âmbito do seu compromisso para com a neutralidade carbónica, a Schneider Electric junta-se à iniciativa EV100, tendo intenção de substituir os 14.000 veículos da empresa por veículos elétricos até 2030

Avançando no seu compromisso de construir um mundo carbon-neutral, a Schneider Electric anunciou a sua adesão à iniciativa EV100 do The Climate Group (TCG), para lançar uma política de Frota Verde com o objetivo de substituir a totalidade da frota da empresa por veículos elétricos (VE) até 2030. Este anúncio coincide com o lançamento do 2020 Progress and Insights Annual Report, um relatório anual que demonstra que a procura por veículos elétricos está em ascensão e que as organizações que os adotam estão a progredir rapidamente na consecução das suas metas de sustentabilidade.

 

O futuro da mobilidade é elétrico – e uma mudança rápida é possível

Segundo um relatório especial do IPCC, para limitar a subida da temperatura média do planeta a 1.5ºC, as emissões globais de CO2 necessitam de ser reduzidas em 45% até 2030. A mobilidade elétrica é fundamental para conseguir este objetivo, juntamente com a descarbonização, a descentralização e a digitalização da energia.

A adoção da mobilidade elétrica está, no entanto, a ser mais lenta do que o necessário. Neste sentido, com este compromisso a Schneider Electric pretende demonstrar que uma mudança rápida é exequível. Até 2030, o Grupo irá converter em veículos elétricos cerca de 14.000 veículos da empresa, em mais de 50 países. No mesmo período de tempo, irá também instalar infraestruturas de carregamento nos seus escritórios e fábricas principais, com instalações de elevada qualidade e que demonstram a inovadora arquitetura de mobilidade elétrica da plataformaEcoStruxure, com tecnologias microgrid, gestão de ativos e novos sistemas de gestão da energia.

A EV100 é uma alavanca para conseguir a neutralidade carbónica das operações até 2030

Em 2019, a Schneider Electric acelerou a sua estratégia climática, com o objetivo de atingir a neutralidade carbónica até 2025 e as zero emissões até 2030, como parte da meta global de limitar o aquecimento a 1.5ºC. Ao unir-se à iniciativa EV100 do The Climate Group, que junta empresas influentes, o Grupo  comprometeu-se de novo com a aceleração das ações climáticas. A transição para uma frota totalmente elétrica permitir-lhe-á reduzir as emissões diretas dos veículos da empresa para zero, até 2030.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.